Monday, February 19 2018
Advertisement
Home
Menu Principal
Home
O que é C.C.S.G
Estatuto
Informativos
Conheça nosso Bairro
Vizinho de Olho
Dicas de Segurança
Comércio Local
Profissionais Liberais
Banco do Emprego
Forum
Comunidades
Utilidades Públicas
Notícias
Artigos
Ofícios
Pesquisar
Ponto Base
Contato
Solte a Voz
Webmail
Administrador
Autenticação





Esqueceu a senha?
Sem conta? Criar Conta!
Eventos
Fevereiro 2018
D S T Q Q S S
282930311 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 1 2 3
Zoolandia
Meu IP:
54.90.202.184
Últimas Notícias


Merenda escolar ou cantina? PDF Imprimir e-mail
O ano letivo está apenas começando. Muito se fala sobre materiais escolares, o excesso de peso na mochila e de questões pedagógicas.  Um outro tema que seguidamente vem sendo colocado em pauta é a alimentação nas cantinas escolares. “Hoje em dia, os pais começam a se preocupar com esse aspecto, já que o índice de obesidade infantil vem crescendo entre as crianças brasileiras”, afirma a nutricionista Lucilene Andrade. O ano letivo está apenas começando. Muito se fala sobre materiais escolares, o excesso de peso na mochila e de questões pedagógicas.  Um outro tema que seguidamente vem sendo colocado em pauta é a alimentação nas cantinas escolares. “Hoje em dia, os pais começam a se preocupar com esse aspecto, já que o índice de obesidade infantil vem crescendo entre as crianças brasileiras”, afirma a nutricionista Lucilene Andrade.

Longe da fiscalização dos pais, as cantinas das escolas se transformaram no “parque de diversões” preferido dos alunos. Lá elas consomem os salgadinhos e guloseimas que, aliados ao sedentarismo, colaboram significativamente para o aumento do sobrepeso. A nutricionista comenta que, devido a falta de tempo dos pais, as crianças não levam mais a tradicional lancheira para a escola, não participando na escolha dos alimentos que o seu filho vai comer no período em que está na escola. Com efeito, as cantinas escolares oferecem lanches, doces e salgados que contribuem para o aumento das taxas de obesidade, um passo para o surgimento de doenças como o diabetes e outras doenças associadas ao excesso de peso.

Segundo a nutricionista Cristiane Azevedo, há pais que, por comodidade, costumam optar por lanche mais fácil de ser preparado, que invariavelmente incluem produtos industrializados, como biscoitos, chocolates e salgadinhos. “Mas esses alimentos têm poucos nutrientes, além de serem ricos em gorduras e calorias”, avisa. Uma opção é incentivar os pequenos a prepararem seu próprio lanche, guiando-os para os alimentos mais nutritivos. A idéia é educar as crianças de maneira que saibam o valor dos alimentos que contêm vitaminas e sais minerais e que não engordam.

Consumo de nutrientes

Conforme os especialistas, o lanche na escola deve suprir cerca de 15% das necessidades diárias de uma criança. Por isso, o lanche deve contemplar um equilíbrio de nutrientes. “Os pais devem optar por alimentos mais saudáveis como os cereais, frutas, verduras e alimentos ricos em proteínas como o leite, queijo ou iogurte”, ensina Cristiane Azevedo.

Para crianças que permanecem o período integral na escola, o consumo de nutrientes deve ser duplicado. O ideal é que, no almoço, ela consuma entre 700 e 800 calorias. “Um almoço saudável deve conter: verduras cozidas ou uma salada, uma porção de carne, de preferência branca, como peixe, peru ou frango, e uma sobremesa. Coxinhas, pastéis e outras frituras não devem substituir uma refeição normal”, ressalta Cristiane Azevedo.

Para os nutricionistas, os alimentos vendidos na cantina têm de ser alvo de um freqüente controle. Felizmente, esse já é um cuidado que está se tornando habitual em muitas escolas do Paraná. “A criança pode até comer um hambúrguer assado, desde que não venha acompanhado de batatas fritas”, ressalta Cristiane. Pode também se alimentar com biscoitos recheados, desde que não coma o pacote inteiro. Outra orientação é evitar o consumo de refrigerantes, preferindo sucos e achocolatados. A prevenção neste, com em muitos outros casos, ainda é o melhor remédio.

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
Enquete
O que devemos melhorar em nosso bairro:
 
Usuários Online
Sociesc
© 2018 CONSEG - Conselho Comunitário de Segurança do Guabirotuba
Joomla! é um software livre disponibilizado sob licença GNU/GPL.